Close

Impacto do Employer Branding no recrutamento

Em uma pesquisa realizada pelo LinkedIn, 75% das pessoas que estão buscando um emprego analisam informações sobre a empresa antes de realizar a inscrição da vaga. É aqui, neste momento, que observamos o impacto do Employer Branding.

 

Employer Branding: o que é?

 

Uma marca empregadora tem como principal objetivo despertar o interesse de talentos para desenvolver sua carreira na companhia.

 

Dentro desse contexto, a estratégia de Employer Branding pode ser pensada para curto, médio e longo prazo. Além da facilitação na fase de recrutamento e seleção, uma marca empregadora com uma boa reputação no mercado faz com que os seus colaboradores sejam retidos, investindo na produtividade da sua função e da empresa. As indicações também passam a ser naturais, com retenção de um maior número de talentos e colaboradores a longo prazo.

 

A importância do pool de talentos

 

Como você reage quando recebe um pedido de contratação urgente de um talento super específico no mercado?
Você se comunica com os talentos que participaram de processos seletivos anteriores? E onde estão aquelas listas imensas de participantes das feiras de talentos que você patrocina?

 

A frequência de comunicação com os talentos faz toda a diferença, e fica ainda melhor quando você tem acesso a dados estratégicos para avaliação. É a partir deles que você entenderá se as pessoas ainda se interessam pela sua empresa e se gostariam de aplicar em vagas futuras.

 

Quando você constrói um pool de talentos, ou seja, tem grupos de pessoas que recebem periodicamente conteúdos sobre a sua empresa, a oportunidade de ser assertivo na abordagem para a vaga urgente é muito maior.

 

De acordo com levantamento realizado pela Michael Page, somente 6% dos entrevistados usam exclusivamente informações divulgadas no processo seletivo ao decidir sobre entrar ou não na organização. Desta forma, é importante que a empresa mantenha um relacionamento e pense na jornada do talento.

 

Quando a empresa não possui uma estratégia de marca empregadora, este candidato pode não encontrar informações adicionais. E, consequentemente, pode sentir insegurança em entrar na organização – ou até mesmo poderá consultar fontes que não são efetivas.

 

Para pensar na jornada do talento, você pode contar com o Spark para qualificar e gerenciar os contatos, além de automatizar as comunicações. Além disso, você promoverá um recrutamento mais proativo e organizado para contratar mais rápido e melhor.

 

No próximo texto, saiba mais sobre como criar e se relacionar com o seu pool de talentos no Spark.

 

Quer saber mais sobre marca empregadora? Confira:

 


Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin

Últimos posts

recruitment marketing

Impacto do Employer Branding no recrutamento

Em uma pesquisa realizada pelo LinkedIn, 75% das pessoas que estão buscando um emprego analisam informações sobre a empresa antes de realizar a inscrição da