Close

Utilize a Rede Social de Carreira para atingir seus objetivos

Rede Social de Carreira

Que as redes sociais possuem forte influência na maneira como nos comunicamos e consumimos os serviços e conteúdos de uma empresa não é novidade, mas, e se dissermos que essas plataformas digitais podem ser fortes aliadas na experiência que você oferece aos seus candidatos? E é ai onde entra a Rede Social de Carreira, que falaremos no decorrer deste artigo. Vem com a gente!

 

Afinal, para que serve a Rede Social de Carreira?


Para adequar o RH ao mundo das mídias sociais, criou-se a estratégia de rede social de carreira, onde são criados perfis voltados à trabalhar a imagem das empresas, transformando-as em marcas empregadoras desejáveis aos olhos dos candidatos.

Uma das melhores maneiras de apresentar para o público as vantagens de fazer parte dos seus programas de recrutamento é utilizando as redes sociais de carreira como uma espécie de “vitrine digital”, ou seja, apresentando através das mídias sociais o cotidiano, a cultura e até mesmo o dia a dia dos colaboradores que já fazem parte do seu time. Dessa maneira, eles conseguirão entender qual é o funcionamento da sua empresa e mais… conseguirão despertar a vontade de trabalhar com você!

Mas, apesar de parecer um processo completamente fácil, é preciso estar atento a algumas etapas fundamentais no processo de criação das suas redes sociais de carreira.

Vamos entender mais sobre elas?

1) Entenda quais são as candidate personas do seu processo

 

Conhecer os perfis que estão envolvidos no seu processo tornam a dinâmica mais fluída. Isso porque, quando sabemos com quem estamos falando, fica muito mais fácil saber quais ações podem se converter em resultados positivos.

Por isso, tenha bem claro sua(s) Candidate Persona (falando nelas, temos um material super valioso que pode te ajudar a estruturá-la perfeitamente) e coloque suas estratégias para rodar.

2) Desenvolva uma identidade visual 

 

Ainda que você já tenha uma identidade visual no perfil institucional da sua empresa, é fundamental que haja a criação de uma identidade que converse diretamente com o perfil de candidatos que você deseja atrair.

Esse será o primeiro contato que seu candidato terá com sua marca empregadora, logo, é interessante que você mescle o DNA da sua organização com um mix de boas práticas de marketing.

Estar atento aos materiais que utilizará também é um ponto importante, afinal, é preciso alinhar as imagens, descrições e vídeos usados para que toda a sua estratégia esteja estruturada de acordo com cada pilar da sua empresa.

 

3) Saiba qual tom de voz utilizar 

 

Após entender com quem você quer falar, é importante também entender qual é o tipo de comunicação que será utilizada nas suas postagens.

Para entender isso na prática, vamos pensar: Seu perfil ideal de candidato envolve profissionais jovens (de 20 a 28 anos), cursando Comunicação Social e que estão buscando por vagas de estágio.

Se você criar publicações que utilizem uma linguagem rebuscada, muitos termos técnicos ou muita formalidade, a tendência é que esses candidatos não se envolvam com seus conteúdos.

Para que haja essa ligação entre sua empresa vs. candidatos, a linguagem utilizada precisa ser compatível com a desses perfis, sendo assim, mais descontraída e com um tom de voz mais próximo e menos formal.

Aplicar essa estratégia irá impactar um número maior de candidatos, além de promover sua marca empregadora de maneira positiva.

4) Crie conteúdos para cativar 

 

A criação de conteúdos ricos para essas plataformas são o oxigênio da estratégia de Redes Sociais de Carreira. Isso porque é a partir do tipo de conteúdo que você posta que você terá interações do público que deseja.

Esse é um pilar que, quando alinhado com as etapas que citamos acima, pode ser um caminho certeiro para converter profissionais em busca de vagas em futuros colaboradores engajados com sua marca.

Um bom caminho para definir os temas que serão abordados é criar uma reunião de pauta com sua equipe para que todos possam pensar em quais assuntos podem ser mais importantes e interessantes a serem compartilhados.

 

Aqui na Match, gostamos de criar conteúdos para Carreiras pensando não só na nossa Candidate Persona (que é o ponto central dessa estratégia), mas também em nossos próprios colaboradores que são o reflexo dos profissionais que queremos atrair para nosso time.


5) Tenha um relacionamento afiado

Sabemos que quanto maior for o nosso processo seletivo, maiores são as chances de sermos procurados pelos candidatos para tirar dúvidas, atender pedidos ou receber críticas.

Para que esse retorno na comunicação seja feito de maneira eficaz, é preciso que haja uma organização quanto ao relacionamento com os candidatos, oferecendo a eles uma experiência de qualidade.

Tenha um time de suporte aos candidatos que possa se dedicar a cuidar dessa relação, ajudando no processo seletivo dele.

Lembre-se: para conquistar esses profissionais e fazê-los considerar participar dos seus processos, acreditando que vale a pena fazer parte do seu quadro de colaboradores, é preciso incentivá-los e destacar-se para obter resultados campeões.

E aí, conseguiu entender o impacto das redes sociais de carreira para o RH? Temos um case com a Kraft Heinz, onde mostramos na prática como você pode atingir os seus objetivos por meio das redes sociais de carreira. A Kraft Heinz tinha como foco atrair um público diverso para o seu Programa de Estágio 2021, e atingimos números impactantes por meio de estratégias de mídias sociais de carreira. Baixe o case e confira todos os resultados!

Precisa de ajuda para entender mais sobre como aplicar a estratégia de Rede Social de Carreira na sua empresa? É só entrar em contato com um dos nossos especialistas.



Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin

Últimos posts