Recrutamento e Seleção por competências: Conheça esse método - Matchbox

Recrutamento e Seleção por competências: Conheça esse método

22 de janeiro de 2020

Recrutamento e Seleção por competências
Gabriela Salina

Gabriela

Analista de marketing da Matchbox
Talent Experience Day

Muitas empresas estão aderindo ao recrutamento e seleção por competências, ou seja, selecionando os candidatos pensando também em suas competências e tendências comportamentais. Dessa forma, garantimos que as contratações tenham um perfil mais alinhado com o que cada área prioriza, além de eliminar o viés nos processos seletivos.

Mas afinal, o que é recrutamento e seleção por competências?

Neste tipo de seleção é importante analisar quais candidatos estão mais alinhados com as necessidades técnicas, comportamentais e individuais que o seu negócio busca.

Investigamos as suas habilidades, conhecimentos e atitudes mediante a desafios profissionais e sociais. Analisamos também sua visão profissional a longo prazo, e outras condições que cada vaga específica pode ter.

Atualmente, muitas organizações não buscam somente o conhecimento técnico que foi adquirido em sua formação no decorrer da vida acadêmica. Percebemos que outras competências fora desse escopo também é muito importante quando pensamos em recrutar talentos.

Segundo estudos*, 92,9% das empresas entrevistadas, utilizam a seleção por competência, e apenas 7,1% respondeu que não utiliza. Em relação aos resultados obtidos por meio dessa seleção, 92,9% dos respondentes afirmaram que são melhores do que os resultados de um recrutamento e seleção tradicional.

Quais os benefícios do recrutamento e seleção por competências?

  • Melhor performance

O candidato selecionado por suas competências tem tendência a garantir uma melhor performance dentro do time, resultando em grandes evoluções e resultados para a área.

  • Agilidade no onboarding

Quando fazemos um recrutamento e seleção por competências, o colaborador entra na empresa muito mais alinhado às suas funções, o que gera uma agilidade no processo de adaptação de um novo funcionário, tornando o onboarding muito mais rápido e claro.

  • Redução do turnover

Um candidato alinhado às expectativas da empresa tem muito mais chance de permanecer por mais tempo na organização, resultando em uma taxa menor de rotatividade. Segundo estudos*, 42,9% das empresas respondentes observam que os funcionários selecionados por meio da seleção por competência tendem a ter uma maior permanência nas organizações.

  • Fortalecimento do RH

Contratações efetivas e com muitos benefícios para o negócio gera uma boa imagem para o RH, fazendo com que a área fique mais fortalecida e seja reconhecida pelos gestores.

  • Imparcialidade no recrutamento

Todo o processo de seleção é baseado em competências reais, fazendo com que todos os recrutadores que fazem parte do processo sejam imparciais em questões subjetivas.

Competências a serem analisadas

Como foi dito, devemos analisar principalmente competências como: Conhecimentos, Habilidades e Atitudes.

  • Conhecimento:

Quando falamos em conhecimentos, queremos dizer que a pessoa tem o domínio de algum tema específico.

  • Habilidade:

É quando passamos da teoria para a prática. Habilidade é conseguir mostrar resultados na prática com o conhecimento teórico que você possui.

  • Atitude:

Esta competência está ligada às iniciativas que a pessoa deve ter, como a sua proatividade, vontade, comprometimento, responsabilidade e resultados entregues.

Além dessas competências básicas, é importante analisar outros pontos como:

  • Valores;
  • Interesses;
  • Visão;
  • Conhecimentos técnicos;
  • Fit cultural;
  • Comunicação.

Que tal implementar essa forma de recrutamento e seleção na sua empresa?

*Abreu, C. V. & Carvalho-Freitas, M. N. de. Seleção por competências: A percepção dos profissionais de RH sobre o método de seleção por competências.
Post imagem