This is Dieter, a template for agencies and freelancers who are not afraid to stand out.
Top

Blog

Como mensurar a sua Candidate Experience?

Primeiro, você sabe o que é considerada a Candidate Experience? A experiência do candidato é o resultado de toda e qualquer interação que um candidato pode ter com uma empresa durante um processo seletivo. Desde o primeiro e-mail que ele recebe ao se inscrever, até a ligação em que recebe a oferta de emprego. A partir do momento em que o talento se torna um colaborador, ela se torna a Employee Experience.

Mas além de seguir as boas práticas para tornar a experiência do seu candidato agradável é importante mensurar essas ações para entender se elas estão, de fato, impactando positivamente o seu candidato.

Aqui na Matchbox, usamos nos processos seletivos uma ferramenta muito conhecida por profissionais de Customer Success, o NPS.  O NPS, ou Net Promoter Score, é uma metodologia que mensura o Grau de Lealdade do seu consumidor (ou no nosso caso do Candidato) através de uma pergunta simples:

  • Em uma escala de 0 a 10, o quanto você recomendaria o processo seletivo para um amigo ou colega?

Pequenas variações podem ser feitas, caso você queira analisar uma etapa do processo em particular.

Existem diversas ferramentas de pesquisa (pagas e gratuitas) que podem ser usadas para enviar a pesquisa, desde o Google Forms (gratuita) até o Typeform (paga). Existem, inclusive plataformas que especializadas apenas nesse tipo de pergunta.

 

Como a escala de 0 a 10 funciona?

Na NPS há um range de respostas que pode ser dada pelo candidato e cada nota significa algo, como mostramos na escala abaixo:

Notas de 0 a 6 – candidatos detratores (candidatos não satisfeitos e sujeitos a falar mal dele em redes sociais, para amigos ou familiares).

Notas de 7 a 8 – candidatos neutros (não ficaram impressionados, muito provavelmente não falaram do seu processo para outros).

Notas de 9 a 10 – candidatos promotores (ficaram encantados com a experiência e têm grandes chances de falar disso para outros).

 

Como o cálculo da NPS é feito?

O cálculo da NPS não se baseia na média dos respondentes, ele foi criado para entender se seu número de respondentes promotores é maior do que de detratores, desconsiderando os respondentes neutros.

Ou seja:

% CANDIDATOS PROMOTORES – % CANDIDATOS DETRATORES = NPS

 

Um exemplo:

A Matchbox realiza uma pesquisa com 100 candidatos, onde 80 deles são promotores, 10 detratores e 10 neutros. Como seria o cálculo dessa NPS?

80% de promotores – 10% de Detratores = NPS 70

Ao calcular seu resultado final é possível compreender como sua Candidate Experience está sendo percebida!

Sendo que:

NPS entre 75 e 100 – Excelente

NPS entre 50 e 74 – Muito bom

NPS entre 0 e 49 – Razoável

NPS entre -100 e -1 – Ruim

 

Mas mais do que saber calcular a NPS é importante entender por que metrificar sua Candidate Experience pode ser relevante para sua estratégia. Entender se as suas etapas, comunicação e ações ao longo do processo estão sendo bem recebidas e essencial para o sucesso do seu R&S a longo prazo.

Também preparamos dicas de métricas de Employer Branding, se tiver interesse, acesse o conteúdo aqui.

 

Post a comment